ULSNA justifica mensagem com dívida de 2,5 milhões de euros

Os utentes da Unidade Local de Saúde do Norte Alentejano (ULSNA) devem cerca de dois milhões e meio de euros em taxas moderadoras, de acordo com a unidade hospitalar.

Esta foi a justificação apresentada pelo porta-voz da ULSNA, Ilídio Pinto Cardoso, para as mensagens recebidas ontem, dia 11, por vários utentes dos hospitais e centros de saúde do distrito garantindo que “os utentes que estão isentos devem fazer prova dessa isenção junto dos serviços da ULSNA”.

Recordamos que muitos foram os utentes que ontem se dirigiram ao Hospital de Santa Luzia (ver aqui), e não só, depois de terem recebido uma mensagem nos seus telemóveis para que pagassem os valores em divida.

Em causa estão valores entre 10 e mais de 100 euros, segundo a Rádio ELVAS apurou.

Share on FacebookTweet about this on Twitter