CDS quer direitos para trabalhadores da Câmara que recebem 250 euros

DSC_0004Tiago Abreu, candidato do CDS à Câmara Municipal de Elvas, pretende que as pessoas que, neste momento, recebem 250 euros adquiram direitos que, segundo o próprio, não têm, como segurança social, subsídio de desemprego ou seguro.

O candidato lembrou também que a agregação de freguesias de Terrugem e Vila Boim foi uma medida do seu adversário Rondão Almeida, mas o que a candidatura do CDS garante é que seja uma liderança bicéfala, ou seja, que em Vila Boim lidere António Rita e na Terrugem Eujalsino Brinquete.

Oiça as declarações nos noticiários.

Share on FacebookTweet about this on Twitter