Como proteger-se das altas temperaturas

 

CalorTemperatura.jpgO Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) colocou o distrito em alerta laranja, devido às temperaturas elevadas que se esperam para os próximos dias e que vão ultrapassar os 40 graus, e com o índice UV a ser muito elevado.

Assim sendo, aconselha-se os grupos de maior risco, crianças e idosos, a evitar andar na rua nas horas de maior calor, a protegerem-se do sol e a uma maior hidratação, bebendo muita água.

Para os próximos dias deve-se ter os seguintes conselhos em atenção:

    • Manter a casa fresca;procure espaços com ambiente fresco, pelo menos, 2 a 3 horas por dia; beber muitos líquidos sem adição de açucar; Evitar a exposição direta ao sol entre as 11h e as 17h; Utilizar roupa larga, leve e fresca, óculos com proteção e chapéu de abas largas; Aplicar protetor solar com fator igual ou superior a 30; Reforçar a vigilância a idosos e doentes crónicos e aos que vivem sós;
    • As pessoas com doenças crónicas devem seguir as recomendações do seu médico para períodos de calor intenso;
    • Moderar as atividades ao ar livre que exijam esforços físicos, especialmente desportivas e de lazer;
    • Os trabalhadores que exerçam atividades ao ar livre devem proteger-se com vestuário adequado, fazer uma boa hidratação e, quando possível, adequar o horário evitando as horas de maior calor.

Share on FacebookTweet about this on Twitter