Militar português morreu em ataque terrorista no Mali

dsc_6346Um militar português ao serviço da missão da União Europeia no Mali morreu na sequência de um ataque terrorista ocorrido domingo, nas imediações de Bamako, anunciou, esta segunda-feira, o Estado-Maior General das Forças Armadas.

Um segundo militar português “saiu ileso deste ataque”, que ocorreu no domingo pelas 16:00, no Hotel Le Campement Kangaba, nas imediações de Bamako, segundo um comunicado divulgado pelo Estado-Maior General das Forças Armadas (EMGFA).

O militar português que morreu tinha 40 anos, era natural de Valongo no distrito do Porto e prestava serviço no Comando de Pessoal no Porto. Era casado e tinha duas filhas menores.

Share on FacebookTweet about this on Twitter